WeCreativez WhatsApp Support
Olá! Tem alguma pergunta? Contacte-me pelo whatsapp e responderei o mais breve possível.
Olá! Tem alguma pergunta?

Gamificação: a aprendizagem desde outra perspetiva

Muitos docentes têm vindo a aplicar  a gamificação nas aulas como um novo método de motivar e de ensinar os seus alunos. Trata-se de um modelo de ensino lúdico e, apesar de que cada vez esteja mais presente na programação e prática docentes, ainda existe um número muito elevado de professores que desconhece em que consiste realmente esta técnica de aprendizagem.

O que é gamificação?

A gamificação é uma técnica de aprendizagem baseada na aplicação mecânica dos jogos no âmbito educativo e profissional. O objetivo último deste método é conseguir melhorar algumas habilidades, como o compromisso do estudante com a sua própria formação, a autonomia ou a competitividade, conseguir que os alunos possam aperfeiçoar alguns conhecimentos ou diretamente recompensar ações concretas.

Este tipo de aprendizagem baseado na diversão soube adaptar-se às metodologias educativas devido ao seu carácter baseado no entretenimento, que tem como meta principal a aprendizagem desde uma perspetiva mais lúdica que provoque um maior interesse no utilizador de uma forma proativa.

Uma das principais chaves da gamificação é que, ao aplicá-la, os alunos conheçam em pormenor e com anterioridade as dinâmicas do jogo que se vai realizar. Todas elas têm que implicar o estudante, incentivá-lo a jogar, ativar o seu interesse e conseguir que adquira os conhecimentos oportunos enquanto se realiza a atividade. Deste modo, dependendo da dinâmica que se estabeleça, o professor deve explorar mais umas atividades do que outras.

Técnicas mais utilizadas na aula

  • Acumulação de pontos. Trata-se de uma metodologia que prima a quantificação do progresso dos alunos, o que implica atribuir um valor quantitativo a determinadas ações que se vão acumulando à medida que se vão completando. A acumulação de pontos é acompanhada de outro benefício que motiva o jogador a conseguir uma maior pontuação.
  • Escala de níveis. Define-se uma série de níveis à medida que o aluno avança no jogo. Consequentemente, a dificuldade aumenta em forma de níveis, tendo como objetivo continuar a avançar para chegar ao seguinte.
  • Obtenção de prémios ou prendas. Consistem em produtos, virtuais ou físicos que completam a experiência no jogo e que se dão ao conseguir os objetivos pré-estabelecidos.
  • É uma técnica destinada a incentivar a motivação do utilizador. A competição entre os estudantes gera uma maior implicação por parte de todos, em que o melhor aluno obtém os pontos ou o prémio em disputa.
  • Tabela de classificações. Clássica no mundo dos jogos, que dentro da gamificação se afirmou como uma estratégica. Mostrar a classificação dos jogadores, assim como a pontuação, permite que o aluno tome consciência sobre em que estado se encontra e saber do que precisa para melhorar.

Vantagens da utilização da gamificação

  • Aumenta a motivação por aprendizagem. As crianças adoram jogar e, por isso, qualquer atividade que lhes pareça divertida aumenta a sua motivação de maneira muito natural. A pesar de não se produzir diretamente, é-lhes mais fácil adquirir os conhecimentos com estas ferramentas afastadas do método tradicional.
  • Torna as disciplinas mais divertidas. Para muitos alunos, o método tradicional baseado em livros e cadernos pode ser aborrecido, ou até propiciar a distração durante as aulas, o que pode implicar que se sintam desmotivados e que cheguem a desenvolver uma certa rejeição em relação aos estudos. A gamificação pode-se aplicar em todas as disciplinas e através dela podem-se compreender conceitos abstratos de uma forma muito mais prática.
  • Aumenta a atenção e a concentração. Conceitos que estão diretamente relacionados com a motivação: se as crianças estão motivadas, sentem que são capazes de entender os conceitos que devem interiorizar, pelo que a aprendizagem é um desafio mais simples. Se além do mais gostam do método, estão mais atentas e concentradas no processo, depositando todos os seus esforços e recursos no jogo.
  • Fomenta o uso da lógica e a estratégia para a resolução de problemas. É uma características básica dos jogos, nos quais se abordam desafios que levam a que os alunos tenham de pensar e refletir para os resolver. Esta ferramenta é muito útil no âmbito educativo para que as crianças possam desenvolver diferentes habilidades tecnológicas, sociais e de comportamento.
  • Estimula as relações sociais. Dado que para a maioria das atividades dentro da gamificação é necessário um grupo para as realizar, os estudantes devem aprender a comunicar-se e a trabalhar em equipa para conseguir os seus objetivos.

Concluindo, pode-se dizer que a gamificação está a acabar com o modelo tradicional de ensino e que está a ser muito útil como fonte de aprendizagem motivacional e efetiva para os alunos, sendo cada vez mais aplicada em mais departamentos e, até, a desenvolver-se dentro dos Recursos Humanos de muitas empresas. Não há dúvida que a gamificação como metodologia educativa é o futuro dos processos de aprendizagem.

También puede interesarte…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Por favor insira um endereço de email válido.
You need to agree with the terms to proceed

Menu

Compartir esto con un amigo