WeCreativez WhatsApp Support
Olá! Tem alguma pergunta? Contacte-me pelo whatsapp e responderei o mais breve possível.
Olá! Tem alguma pergunta?

Diferentes tipos de deficiência

Cada pessoa possui capacidades diferentes, sejam psicológicas, físicas ou emocionais, o que faz com que tenham vidas diferentes e únicas. Contudo, nalguns casos, é possível que alguma dessas capacidades não se tenha desenvolvido ou que se tenham perdido, falando-se então de deficiência.

A deficiência é aquela condição de uma pessoa que lhe causa dificuldades para desenvolver tarefas quotidianas e correntes que para o resto de indivíduos da sua mesma idade e sem essa deficiência não são complicadas.

Além da perda ou limitação da capacidade, o contexto físico, social e cultural no qual a pessoa vive faz com que a experiência da deficiência seja única para cada indivíduo, o que torna difícil a sua classificação.

A classificação mais comum divide-a em três grandes áreas: motora, quando o órgão afetado é o aparelho locomotor, psíquica, quando a afetação se dá nas qualidades intelectuais, e sensorial, quando as limitações afetam algum dos cinco sentidos.

Apesar de que existem deficiências ligadas a uns sintomas ou manifestações bem definidas, também existem as genericamente chamadas invisíveis, isto é, que não são apreciáveis à simples vista. Por exemplo, é comum que quando se fala na televisão de pessoas com deficiência intelectual e, devido a que em muitos casos a mesma não é apreciável fisicamente, mostram-se imagens de pessoas com outras deficiências ou unicamente com síndrome de Down. Com isso, a única coisa que se consegue é não dar visibilidade ao coletivo e que a sociedade, em muitos casos, desconheça a realidade de certas deficiências.

Deficiência motora

As pessoas com a deficiência física ou motora apresentam uma alteração no seu aparelho locomotor, devido a um mal funcionamento dos sistemas nervoso, muscular, e/ou ósseo articular. Esta alteração dificulta ou impossibilita a mobilidade funcional de uma ou várias partes do corpo.

Pode ser transitório, por exemplo, devido a imobilizações por traumatismos ou permanente como as produzidas por processos infecciosos como a poliomielite, por más formações neurológicas ou acidentes.

Deficiência sensorial

As pessoas com deficiência sensorial, devido à afetação de um ou vários sentidos, apresentam uma diminuição importante do volume de informação que recolhem do ambiente que os rodeia. Atendendo ao sentido afetado classificam-se em:

Deficiência visual. Refere-se à perda ou diminuição da visão, englobando toda a etiologia e graus de severidade. Para entender a realidade que entranha esta deficiência, basta ter em conta que através da vista se obtém 80% da informação do mundo exterior.

Deficiência auditiva. Define-se como a perda ou a anormalidade funcional do sistema auditivo e tem a sua consequência imediata numa dificuldade para ouvir, o que implica também dificuldades no acesso à linguagem e à fala pelo que, qualquer transtorno na perceção auditiva em idades precoces afeta ao desenvolvimento linguístico, comunicativo e aos processos cognitivos. Para se considerar uma deficiência auditiva, a deficiência deve afetar ambos ouvidos.

Deficiência Intelectual

Implica uma série de limitações significativas nas habilidades que a pessoa aprende para funcionar na sua vida diária, compreender o entorno e interagir com o mesmo.

As pessoas com deficiência intelectual têm dificuldades nas habilidades cognitivas, isto é, todas aquelas relacionadas com o processamento da informação: atenção, perceção, memória, resolução de problemas, compreensão, estabelecimento de analogias…

Além destes três grandes tipos de deficiência, outras classificações menos conhecidas distinguem entre:

Deficiência psíquica

Fala-se de deficiência quando se apresentam alterações, de forma previsivelmente permanente e intensa, no comportamento adaptativo ou de relação. Geralmente, derivam de transtornos mentais como a depressão, a esquizofrenia, o transtorno bipolar, transtornos de personalidade… Um dos maiores problemas associados para conseguir a integração social deste coletivo, é a estigmatização social da doença mental, tanto pelas dificuldades de reconhecimento e aceitação como pelos medos infundados em relação aos mesmos.

Deficiência visceral

Trata-se de uma das deficiências menos conhecidas e, contudo, uma das mais frequentes. Corresponde com aquelas limitações na vida e participação na comunidade daquelas pessoas que padecem deficiências funcionais e estruturais nalgum dos sistemas: cardiovascular, hematológicos, respiratórios, digestivos, metabólicos, endócrinos e geniturinários.

Deficiência múltipla

Caracteriza-se pela presença de diferentes deficiências em diferentes graus e combinações. Falar de deficiência múltipla, não é apenas somar os tipos de deficiência que uma pessoa pode ter. Ela consiste na interação que têm juntas, que na maioria dos casos implica aspetos novos e individuais de diferentes tipos de deficiências. Pode ter características variáveis, dependendo da idade, assim como da combinação e severidade das suas deficiências.

También puede interesarte…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Por favor insira um endereço de email válido.
You need to agree with the terms to proceed

Menu

Compartir esto con un amigo